Perdiz-comum

Perdiz-comum Alectoris rufa

  • Onde me podes ver: Parque Biológico
  • Observável em: Em cativeiro
  • Habitat:

    Espécie gregária encontrada em quase todo o território nacional, com preferência por paisagens em mosaico de culturas agrícolas e matos, com pontos de água permanentes. Evita zonas urbanizadas.

  • Alimentação:

    A sua dieta é composta essencialmente por sementes, folhas/rebentos de plantas (silvestres e de cultivo), bem como insetos (alimento-base dos perdigotos), moluscos e outros invertebrados.

  • Reprodução:

    É uma espécie monogâmica, que inicia a postura geralmente no final de abril ou princípio de maio até junho. A escolha do local para o ninho é normalmente da responsabilidade do perdigão (o macho), a quem cabe também a sua defesa. O ninho é uma pequena depressão no meio de vegetação rasteira. O número médio da postura ronda os 14 ovos que são incubados geralmente pela fêmea durante 23-26 dias. Sendo uma espécie nidífuga, os perdigotos abandonam o ninho à nascença, mas permanecem junto da mãe.

  • Estado de Conservação: Pouco preocupante
  • Curiosidades:

    A perdiz-vermelha é uma importante espécie cinegética da nossa fauna.

    Sofreu um acentuado declínio na Península Ibérica, devido quer à perda de habitat por intensificação agrícola ou florestação, quer pela caça excessiva.

    Tem-se verificado, no entanto, uma recuperação das populações.

     

 

Câmara Municipal de Gaia

Rua Álvares Cabral 4400-017 Vila Nova de Gaia

Contactos

Parque Biológico de Gaia

R. Cunha, 4430-812 Avintes, Vila Nova de Gaia, Portugal

© 2018 Municipio de Gaia. Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Municipio de Gaia

 

Câmara Municipal de Gaia

Rua Álvares Cabral 4400-017 Vila Nova de Gaia